08 junho, 2012

Alunos do IPB constroem pontes em esparguete

Construir pontes com esparguete parece irónico, mas é possível. Pelo menos à escala reduzida e como forma de ensino.
Isso mesmo aconteceu na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Instituto Politécnico de Bragança. Foi na segunda edição de um concurso que envolveu 34 projectos dos alunos das licenciaturas em Engenharia Civil e Mecânica.
Débora Correia, docente de Engenharia Civil, explica que objectivo do concurso era “fazer uma ponte em massa esparguete, com determinadas medidas e determinadas normas e ganharia a ponte que aguentasse mais força com menor peso”. A docente considera que “esta é uma forma diferente de motivas os alunos e fiquei muito surpreendida porque não estava à espera que houvesse esta adesão”.
Filipe Alves e Luís Silva foram os primeiro e segundo classificados deste concurso e falam dos seus projectos. “Foi uma experiência que me marcou”, refere o vencedor Filipe Alves, acrescentando que “demorei quatro horas a construi-la. Pesava 64 gramas e aguentou 79 newtons”. Já Luís Silva e o seu grupo explicam que fizeram duas pontes. “Primeiro umas, depois passámos para outra e depois esta acabou por ser uma junção das duas. Demorámos cerca de duas semanas”.
Construir pontes em esparguete. Uma forma diferente de aprender engenharia no IPB.  

Publicado em 'Rádio Brigantia'.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo