11 junho, 2015

Nerba terá condições para receber as festas académicas

Tomada de posse da Associação Académica
 O presidente do Nerba - Associação Empresarial garante que o pavilhão desta entidade mantem condições para receber as próximas festas académicas, nomeadamente a Semana do Caloiro e a Semana Académica. Eduardo Malhão contradiz o presidente da Associação Académica do Instituto Politécnico de Bragança (IPB), Ricardo Pinto, que no discurso da sua tomada de posse, na passada quarta-feira, 3 de junho, lamentou que o pavilhão do Nerba não reúna as condições para a realização dos eventos académicos por causa de parte do espaço estar a ser ocupado por uma sala, construída a título temporário, para receber o julgamento do mega-processo da alegada venda de cartas de condução. Este processo envolve mais de uma centena de arguidos, quase outros tantos advogados e cerca de 600 testemunhas. Eduardo Malhão garante que a realização das festas no Nerba “só não acontecerá neste espaço se os estudantes não quiserem, serão bem recebidos e terão as condições necessárias, tal como tiveram este ano”.
Em declarações ao Mensageiro, o presidente do Nerba, referiu que a sala construída no pavilhão, para acolher o julgamento, tem paredes amovíveis “que podem ser retiradas com facilidade para instalar o palco”. O responsável sublinhou “que no local haverá todas as condições como sempre houve para a realização dos concertos”. Lamentou que a associação esteja “a fazer um caso onde este não existe”.
Eduardo Malhão acrescentou que já na última semana académica, este ano, os estudantes tentaram arranjar uma alternativa ao pavilhão, porém não conseguiram. “A opção de recurso a tendas é bastante dispendiosa, tanto quanto sei. Além de que foi feita uma petição por parte dos alunos para que a Semana Académica continuasse no Nerba por ser um local mítico”, afirmou.

Ricardo Pinto reeleito para a Associação Académica
Sem adversários, a lista de Ricardo Pinto foi reeleita para a presidência da Associação Académica do Instituto Politécnico de Bragança (IPB).
O aluno, disse à margem da sua tomada de posse, que “é histórico na academia, porque é a primeira vez que um presidente é eleito para três mandatos consecutivos”. Votaram 974 alunos, dos quais 30 votos foram brancos, o que , segundo o jovem “representa 96% dos votos a favor”.
Ricardo Pinto considera que a existência de uma única lista “revela que o ambiente escolar é bom e que é motivo de orgulho representar todas as escolas sem as chamadas ‘guerrinhas académicas’”. Para o próximo mandato a Associação Académica propõe “continuar o bom trabalho”, já que se impôs no panorama nacional. “Participamos no ENDA, que se realizou pela primeira vez em Bragança”, frisou.
Na academia querem instituir uma bolsa de mérito para incentivar os alunos bolseiros. A atribuição de bolsas também está entre as preocupações. “Queremos que sejam entregues atempo e horas, para que os alunos saibam quanto e quando vão receber”, disse.

Publicado em 'Mensageiro'.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo